NOVA IGUAÇU - Dois assaltantes levaram a pior durante tentativa de assalto a mulher de um policial militar, no início da tarde de ontem, no Bairro da Luz, em Nova Iguaçu. Na ação, Luiz Fernando Guimarães Monteiro, de 22 anos, foi preso e um comparsa conseguiu fugir.

De acordo com a Polícia Civil, a vítima estava chegando em casa, na Rua Carlos Gomes, dirigindo um Palio. Quando ela estacionou o carro, foi abordada por dois homens armados, que anunciaram o assalto. Assustada, a mulher entrou em casa e gritou pelo marido, que saiu do imóvel atirando contra a dupla.

Os bandidos chegaram a fugir com o carro, mas o abandonaram na Rua Monteiro Lobato e seguiram a pé em direção à Avenida Abílio Augusto Távora (Estrada de Madureira). Luiz Carlos foi preso na conhecida ‘Curva da Morte’. Já o outro bandido, que levou dois tiros de raspão, nas costas e numa pernas, acabou fugindo.

BANDIDO SE PASSOU POR MOTORISTA DE VAN

Durante a fuga, Luiz invadiu uma residência alegando que havia sido assaltado e estava fugindo dos bandidos. Ele chegou a apresentar um crachá da Prefeitura de Nova Iguaçu e afirmou ser motorista de van.

Os policiais chegaram e realizaram um cerco que acabou na prisão do criminoso.


Via Jornal Hora H
30/10/2014
NOVA IGUAÇU - Já na manhã de ontem, o Batalhão de Mesquita conseguir apreender quatro fuzis e vários munições da mesma arma pertencentes aos traficantes da comunidade Grão Pará, em Nova Iguaçu.

De acordo com informações do capitão Miguez, da 4ª Companhia localizada na Estrada de Madureira, os sargentos Wagner, Salgado, Denuclair, e os cabos Leonardo, Santos, Teixeira, além dos soldados Baclar e Chaves receberam denúncia que criminosos estariam enterrando armamento em um terreno baldio dentro da comunidade. A guarnição foi ao local onde realizou um cerco e, após realizar buscas na região, conseguiu encontrar a área onde estariam as armas, que foram deixados dentro de barril enterrado. Nele havia 01 fuzil 762, 03 fuzis 556 AR15, 06 carregadores, 71 munições de 762 e 154 munições de calibre 556. 

O capitão Miguez informou que cada fuzil é avaliado em R$ 35 mil, o que daria um prejuízo de R$ 200 mil para os traficantes. Todo o material foi encaminhado para a 56ª DP (Comendador Soares).



Via Jornal Hora H
30/10/2014
Luciano é condenado
NOVA IGUAÇU - Um foragido da Justiça foi capturado no início da noite da última terça- -feira, na localidade Três Campos, na Palhada. Luciano Barros, de 33 anos, havia sido condenado por tráfico de drogas e assalto a mão armada.

Segundo informações dos sargentos Bezerra e Getúlio, a guarnição realizava patrulhamento para coibir o tráfico na região quando decidiu abordar um homem que estava parado em atitude suspeita. Houve a abordagem. E, como nada foi encontrado com o homem, os PMs o levaram para a 56ª DP (Comendador Soares). Na unidade, através de pesquisa no sistema, ficou constatado que Luciano, também conhecido como Polegar, é evadido do sistema penitenciário.



Via Jornal Hora H
30/10/2014
NOVA IGUAÇU - Policiais do Batalhão de Mesquita (20º BPM) prenderam, na última terça-feira, três suspeitos de envolvimento com o tráfico de drogas em comunidades de Nova Iguaçu. No Aymoré, a equipe formada pelo sargentos Mauro, Novaes, Getúlio e Bezerra foi até a região cumprindo determinação do novo comandante da corporação, tenente- -coronel Marcos Neto, para coibir a venda de entorpecentes.

Pela manhã, ao chegar no local, os PMs surpreenderam um suspeito identificado apenas Wallace com um rádio transmissor e 21 trouxinhas de maconha. Ele vai responder por tráfico de drogas. 


MORRO DO ESCORREGA TEM MENOS UM BANDIDO

À tarde, a mesma guarnição realizou uma incursão no Morro do Escorrega, na região da Palhada para checar denúncia anônima informando que um grupo de criminosos estavam comercializando entorpecente na Rua Gelo. Com a chegada da polícia, vários bandidos fugiram. Entretanto, Geovane Gomes, 23 anos, e outro suspeito acabaram surpreendidos. 

Com o primeiro, os agentes 98 sacolés de cocaína. Os dois foram encaminhados para a delegacia, onde o segundo homem foi liberado. Geovane também vai responder por tráfico de drogas.

As duas ocorrências foram registradas na 56ª DP (Comendador Soares).



Via Jornal Hora H
30/10/2014

NOVA IGUAÇU - O pagamento dos salários dos servidores de Nova Iguaçu, referente ao mês de outubro, estará disponibilizado neste sábado, dia 1º. A folha de pagamento, de cerca de R$ 50 milhões, beneficia os servidores ativos, inativos, pensionistas, contratados, comissionados e concursados da administração direta e indireta. Também estão incluídos funcionários da Emlurb, Previni, Fenig, Codeni e Hospital da Posse.



Via PMNI
30/10/2014
NOVA IGUAÇU / RIO - Pesquisadores divulgaram estudo com números que preocupam muito sobre o impacto da poluição na saúde de moradores das duas maiores cidades do país, Rio de Janeiro e São Paulo. Mais de 135 mil pessoas morreram, em seis anos, por doenças provocadas pela má qualidade do ar.

A poluição do ar mata 14 pessoas por dia no estado do Rio de Janeiro. A área mais crítica é a Região Metropolitana. Em Nova Iguaçu e Duque de Caxias, a concentração de poluentes no ar chega a ser três vezes maior que o recomendado pela Organização Mundial da Saúde.

A pesquisa realizada pelo Instituto Saúde e Sustentabilidade acompanhou as medições feitas por 30 estações que monitoram a qualidade do ar em 15 municípios do estado.

De acordo com a pesquisa, mais de 75% das emissões de poluentes em toda região metropolitana do Rio têm origem nos veículos automotores. Durante os seis anos do estudo, mais de 36 mil pessoas morreram em todo o estado por doenças atribuídas à poluição do ar.

Nesse período, mais de 65 mil pessoas foram internadas na rede pública com problemas causados pela inalação de poluentes.

“Risco de doenças respiratórias, risco de infarto, as grávidas são muito suscetíveis, as crianças, os idosos. Você tem uma população enorme exposta. Mesmo os saudáveis acabam inalando uma grande quantidade de substancias químicas que são nocivas à saúde”, alerta Hermano Albuquerque de Castro, diretor da Escola Nacional de Saúde Pública – Fiocruz.

Quem paga a conta é o contribuinte: R$ 82 milhões. Os pesquisadores já haviam medido a qualidade do ar no estado de São Paulo, onde a poluição chegou a estar 2,5 vezes acima do limite estabelecido pela Organização Mundial de Saúde.

Entre 2006 e 2011, mais de 99 mil pessoas morreram por doenças ligadas à poluição. O estudo também compara a qualidade do ar entre as cidades do Rio de Janeiro e São Paulo.

Entre 2007 e 2011, o Rio respirou um ar menos poluído todos os anos, exceto em 2011. Segundo os pesquisadores, menos de 2% dos municípios brasileiros contam com estações que medem a qualidade do ar.

Em todo o Brasil, são apenas 252. Nos Estados Unidos, são 5 mil. Na Europa, 7,5 mil. Mas o maior problema, é que o país utiliza há 25 anos os mesmos indicadores de qualidade do ar, muito menos restritivos que os atuais padrões exigidos pela Organização Mundial da Saúde.

“É perfeitamente compreensível que a mudança para o padrão final, até se chegar ao padrão da Organização Mundial de Saúde, tenha que ser uma mudança escalonada e em etapas. Mas, mesmo assim, ela não pode demorar”, afirma Evangelina Vormitagg, diretora do Instituto Saúde e Sustentabilidade.

A Companhia de Tecnologia de Saneamento Ambiental de São Paulo, Cetesb, informou que vem aplicando desde o ano passado, de forma gradual, os padrões recomendados pela Organização Mundial da Saúde. O Instituto Estadual do Ambiente do Rio e o Ministério do Meio Ambiente não comentaram o estudo.



Via Bom Dia Brasil
29/10/2014
NOVA IGUAÇU - O TopShopping preparou uma animada programação musical para agitar o palco do shopping. Nesta quinta-feira, dia 30 de outubro, às 19 h, o cantor David Paiva realiza um show de voz e violão repleto de sucessos da MPB. A apresentação acontece na praça de alimentação, no segundo piso. A entrada é gratuita!

O TopShopping está localizado na Av. Governador Roberto Silveira 540, Centro – Nova Iguaçu. Telefone: (21) 2667-1787.



Via Top Shopping

O parque aquático fica na Estrada Cabuçu-Queimados, em Nova Iguaçu
NOVA IGUAÇU - Dezoito dias após a morte por afogamento do menino Thayllon Lucas Paula Ferreira, de 4 anos, o parque aquático Paradiso Clube, localizado no bairro Cabuçu, em Nova Iguaçu, ainda é alvo de polêmica. O espaço foi fechado pela Polícia Civil na tarde da última sexta-feira, mas reaberto menos de 24 horas depois por força de mandato de segurança expedido pela Justiça.

Thayllon caiu na piscina de adulto e não resistiu
De acordo com o delegado Jorge Farid Zahra, titular da 56ª DP (Comendador Soares), com a decisão judicial somente a piscina do toboágua continua interditado por não se enquadrar dentro das normas de segurança do Corpo de Bombeiros. “Nos próximos dias vamos realizar uma pericia através de uma engenheria técnica para avaliar a estrutura de maneira mais minuciosa e, dessa forma, mantê-la interditada ou não. O clube não deveria estar funcionando até que todas as providências relacionadas à segurança fossem e tomadas pela administração”, afirmou.

FAMÍLIA DIZ QUE HOUVE NEGLIGÊNCIA

Ainda sob o sentimento da dor da perda, a família de Thayllon organiza um protesto em frente ao parque, no próximo sábado. A avó, Raquel de Jesus da Silva, acusa o clube de negligência. “Meu neto não sabia nadar, aspirou muita água antes de ser socorrido e não foi levado para a enfermaria. Quando tentamos sair do clube, tivemos diversas dificuldades: o portão estava trancado e demoraram para abrir. Depois, o carro quebrou no meio do caminho para a UPA de Cabuçu. Tivemos que pedir carona, mas quando chegamos lá o Thayllon já estava morto”, afirmou.

Raquel relatou que cuidava do neto desde que ele tinha 1 ano e, no mês passado, pediu a guarda da criança. Ela contou que o pai e a mãe do menino tinham envolvimento com o tráfico de drogas. O pai morreu há quatro anos e a mãe só o visitava de vez em quando.

Outro afogamento há mais de dois anos

Não é a primeira vez que o Paradiso Clube registra morte por afogaento. No dia 15 de abril de 2012, um adolescente caiu na piscina do toboágua, que tem 1,5 metro de profundidade. Peterson de Brito e Silva, de 10 anos, filho de um funcionário do clube, ficou submerso por cinco minutos, até ser retirado da água. Levado para a UPA de Cabuçu, não resistiu e morreu.

O então titular da 56ª DP, delegado Delmir Gouvea, chegou a interditar o clube, proibindo a entrada de banhistas nas sete piscinas do centro de recreação até que o Paradiso comprovasse que sua atividade não representaria risco aos frequentadores.



Via Jornal Hora H
Por Antônio Carlos
29/10/2014
Carlos estava pilotando uma Falcon quando foi preso
NOVA IGUAÇU - Agentes da Delegacia de Polícia de Nova Iguaçu (52ª DP) colocaram atrás das grades um suspeito de praticar assaltos na região central. Carlos Washington da Costa Antunes, de 19 anos, estava com uma motocicleta marca Yamaha Falcon 125, sem placa e com numeração do motor e chassi suprimido.

De acordo com os agentes, na tarde do último domingo, populares informaram à DP sobre a presença de um homem numa motocicleta com as mesmas características do veículo de Carlos praticava roubos no bairro Santa Eugênia.

Uma equipe realizou diligências na região e, quando deixavam a Rua Paes Leme em direção à Via Light avistaram o suspeito na direção da moto. Ao realizar a abordagemn, os policiais constataram que o veículo com a numero errado.

Reconhecido por vítimas dos ataques

Na delegacia, enquanto era feito o registro da ocorrência, o criminoso foi reconhecido por duas das vítimas dos roubos praticados horas antes, no Centro de Nova Iguaçu.
Os policiais da 52ª DP agora investigam qual a procedência do veículo e se houve outras vítimas de Carlos, que foi encaminhado ao Complexo Penitenciário de Bangu, onde ficará à disposição da Justiça, e responderão pelo crime de furto.

Via Jornal Hora H
29/10/2014
NOVA IGUAÇU - Quem nunca presenciou os estacionamentos irregularidades pela cidade? Muito comum de se ver em diversos pontos, inclusive em Comendador Soares, na Rua Lafaiete Pimenta, na altura da estação de Comendador Soares, em Nova Iguaçu. O estacionamento irregular acaba obrigando pedestres tendo que andar pelas ruas. No Centro da cidade, é impossível ver cenas como essa, pois há muitos guardas municipais. Porém, nos bairros mais destacados, as infrações e desrespeito com o pedestre não é combatida. Cadê a fiscalização Prefeitura de Nova Iguaçu?



Via Jornal Hora H
29/10/2014