NOVA IGUAÇU - Acidente entre dois veículos na Avenida Governador Roberto Silveira, no Centro, de Nova Iguaçu , hoje à tarde (25/07), deixa o trânsito com um pequeno desvio. Agentes da Secretaria Municipal de Transporte, Trânsito e Mobilidade Urbana (SEMTMU) no local.


Via: Jornal Hora H
SEROPÉDICA / NOVA IGUAÇU - Um carro roubado há 14 anos foi recuperado pela Polícia Rodoviária Federal (PRF), em uma blitz na Rodovia Presidente Dutra (BR-116), em Seropédica, na Região Metropolitana do Rio, na tarde de sábado (23). O automóvel estava caracterizado como se fosse oficial e era utilizado pela Prefeitura de Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense.

Policiais rodoviários federais da equipe de moto policiamento faziam a blitz na altura do pedágio, na pista sentido Rio de Janeiro, quando observaram a placa do carro que se aproximava e resolveram abordá-lo. Eram notórios os sinais de adulteração da placa utilizada no automóvel. Após uma vistoria, os policiais verificaram que o carro era roubado. O crime teria ocorrido há cerca de 14 anos, em 2002, no município de Nova Iguaçu.

O motorista, de 39 anos, afirmou ser assessor de um secretário de governo. Ele disse desconhecer quaisquer irregularidades sobre o carro. A ocorrência foi encaminhada à 48ª DP (Seropédica).

Via PRF
25/07/2016
NOVA IGUAÇU - Um policial militar foi morto, na noite desta sexta-feira, no bairro Rosa dos Ventos em Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense. Delaney da Silva Barbosa estava de folga quando foi reconhecido por criminosos dentro de um bar. Segundo a Policia, ao identificarem o PM, os bandidos atiraram e o feriram.

Lotado no 5º BPM (Praça Harmonia), Delaney foi socorrido por uma patrulha do 20º BPM (Mesquita) e encaminhado ao Hospital Geral de Nova Iguaçu, mas não resistiu aos ferimentos. A Divisão de Homicídios da Baixada Fluminense investiga o caso.

Via Extra
25/07/2016
ATENÇÃO.: IMAGEM FORTE, CLIQUE PARA VER ORIGINAL
NOVA IGUAÇU - O tráfico de drogas da Baixada Fluminense pode estar perdendo terreno para a maior milícia da Zona Oeste do Rio. A ‘Liga da Justiça’ pode estar por trás da execução de um jovem suspeito de envolvimento com a venda de entorpecentes no Parque das Palmeiras em Nova Iguaçu. Vítima, que não teve a identidade divulgada até o fechamento desta edição, foi assassinada com vários tiros na cabeça.

A Divisão de Homicídios da região (DHBF) estaria investigando a atuação do grupo paramilitar em diversos municipios. Segundo relatos de moradores, a ‘Liga’ dominou a comunidade e expulsou os traficantes que há décadas se instalaram no bairro. Informações também dão conta que os criminosos recrutaram ‘olheiros’ que fazem plantão nos principais acessos do Parque das Palmeiras.

Tiros são ouvidos na madrugada

Moradores também relatam ter ouvido com frequência tiros durante a madrugada. Os milicianos teriam invadido a maioria dos bairros cortados pela Estrada da Palhada. Denúncias recebidas pelo jornal apontam a cobrança de taxas impostas pelo bando a comerciantes, que variam entre R$ 50 a 300. As informações estão sendo investigadas pela especializada.

Via Jornal HoraH
Por Antônio Carlos
23/07/2016
NOVA IGUAÇU - O abastecimento irregular de água no bairro Jardim da Posse, em Nova Iguaçu, está atrapalhando o dia-a-dia de moradores e comerciantes da região, que estão sendo obrigados a “se virar nos 30” para garantir o banho de cada dia. Segundo a população, o fornecimento desse bem tão precioso está pendente há pelo menos três semanas. A Cedae, concessionária responsável pelo abastecimento de água, admitiu que o problema está sendo causado em decorrência de manobras feitas para garantir que o Hospital Geral de Nova Iguaçu (Hospital da Posse) e o Instituto Médico Legal (IML) não sejam prejudicados.

Na Avenida Henrique Duque Estrada Mayer, bem próximo ao Hospital da Posse, a população está assustada com a falta d’água. “O fornecimento sempre foi bom, mas de umas semanas para cá está acontecendo esse problema. Para sobreviver estamos comprando galão de 20 litros até mesmo para tomar banho”, disse Rosana das Graças, de 50 anos.

Já a dona de casa, Zete Duarte, 60, afirmou que chegou água em sua casa na madrugada de quinta-feira, mas poucas horas depois acabou novamente. “A falta d’água é geral, até mesmo na E.M. Guinle, onde meu filho estuda e está sendo liberado mais cedo todos os dias por causa da escassez”, disse.

A escola citada fica na Rua Oliveira Rodrigues Alves. “A Prefeitura está mandando caminhão de água para lá. Mas nós não temos condições de encomendar um carro-pipa”, disse Zete, que está acumulando água em galões de 100 litros para suprir as necessidades, como tomar banho, cozinhar, lavar a louça e as roupas.

O problema não afeta somente as residências. A comerciante Jane Alves, que possui uma lanchonete em frente ao Hospital da Posse, está tendo dificuldades para conseguir água e manter seu negócio. Jane possui uma cisterna na qual acumula água quando chega e garante a mesma por alguns dias. Porém, como a qualidade da água não é a das melhores, para fazer os alimentos precisa comprar galões.

Cedae admite manobras para favorecer hospital

De acordo com a Cedae, o abastecimento na região foi prejudicado pela estiagem nas represas do Rio D’Ouro e de Tinguá, que abastecem a região. “A Cedae vem realizando manobras na rede para reforçar o fornecimento de água, garantindo o abastecimento do Hospital da Posse e do IML. Pedimos a moradores cujo fornecimento tenha sido prejudicado que entrem em contato informando o endereço para que possamos enviar técnicos”, diz um trecho da nota.

De acordo com a concessionária, “a irregularidade nos períodos de seca será encerrada com a conclusão das obras do Novo Guandu e do Programa de Abastecimento de Água para a Baixada Fluminense, com investimentos de R$ 3,4 bilhões e obras já em andamento, que vai garantir a construção de uma nova estação de tratamento, 96 km de adutora, construção e reforma de 17 elevatórias, construção de 17 reservatórios e reforma de oito já existentes, 498 km de troncos distribuidores e 261 km de redes de distribuição em Nova Iguaçu, Belford Roxo, Duque de Caxias, São João de Meriti, Queimados, Nilópolis e Mesquita”.

Via Jornal de Hoje
Por Erick Bello
23/07/2016
NOVA IGUAÇU - A subseção de Nova Iguaçu da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) completou 50 anos no dia 5 de julho. Para celebrar a data, o presidente da OAB – Seção do Estado do Rio de Janeiro -, Felipe Santa Cruz, visitou a subseção na noite de quarta-feira (20), onde participou de uma série de homenagens. O objetivo do evento foi relembrar o surgimento das primeiras 13 unidades regionais de apoio ao advogado (hoje, são 63 no Estado) criadas em 5 de julho de 1966 pela Resolução nº 1 da OAB/RJ, visando fortalecer a advocacia no interior.

“O surgimento das subseções representou um passo pioneiro e decisivo no processo de interiorização da OAB/RJ. Mesmo sob o arbítrio do regime militar, a quem não interessava a Ordem forte, a Seccional começou ali a ganhar capilaridade e somar força institucional”, analisa Santa Cruz, que há nove anos criou o projeto “OAB Século XXI”, de modernização e ampliação desta rede.

As homenagens acontecem ao longo de julho nas 13 subseções cinquentenárias: Nova Iguaçu, Duque de Caxias, Campos de Goytacazes Miracema, Itaperuna, São Gonçalo, Barra Mansa, Volta Redonda, Barra do Piraí, Valença, Petrópolis, Nova Friburgo e Teresópolis.

Reconhecimento da advocacia local

Cada subseção cinquentenária contará com cerimônias em homenagem aos ex-presidentes da unidade (placa comemorativa) e aos advogados com 50 anos de profissão (Medalha Sobral Pinto). Na ocasião, foram homenageados os ex-presidentes José Fernandes, Julio Cesar da Silva, Jorge Antunes Braga, Marco Venício Silva de Andrade, Odilardo Alves, Abenor Natividade Costa, Jurandir Ceulin e Jorge José Feitosa Rosemberg. Já os advogados com meio século de profissão que receberam o reconhecimento da OAB foram Paulo de Arruda Gomes, Marcio Luiz da Cunha, José Cardoso Távora e Laelio Nunes de Lima.

O evento marcou ainda o lançamento da publicação “50 anos das Subseções”, elaborada pelo Centro de Documentação e Pesquisa da OAB/RJ especialmente para a ocasião.

As homenagens acontecem ao longo de julho nas 13 subseções cinquentenárias: Nova Iguaçu, Duque de Caxias, Campos de Goytacazes Miracema, Itaperuna, São Gonçalo, Barra Mansa, Volta Redonda, Barra do Piraí, Valença, Petrópolis, Nova Friburgo e Teresópolis.

Via Jornal de Hoje
23/07/2016
NOVA IGUAÇU - O 20º BPM (Mesquita) vem realizando ações de combate ao consumo de drogas em locais públicos. Na manhã de sexta-feira (22) uma guarnição voltou à Praça do Skate, no Centro de Nova Iguaçu, onde tem intensificado as rondas com a finalidade de inibir a presença de usuários de drogas.

O sargento Ronaldo e o soldado Brito faziam o patrulhamento na área quando surpreenderam dois jovens consumindo crack sem serem incomodados. Eles foram detidos e encaminhados para a 52ª DP (Nova Iguaçu).

Na delegacia, os usuários de drogas foram identificados como Matheus Willian Alves Firmino, de 21 anos, e a Maxwell Miguel Raimundo, de 18. Com a dupla, foram apreendidas três pedras de crack, um cigarro de maconha e um cachimbo utilizado para o consumo de drogas. Os policiais puxaram a ficha criminal dos rapazes e constatou que esta é a segunda vez que Maxwell é detido por uma guarnição do 20º BPM naquela mesma região.

Sete detidos nesta semana

Com o flagrante desta sexta-feira, os policiais do 20º BPM (Mesquita) chegaram à marca de sete pessoas detidas na Praça do Skate somente esta semana. Na terça-feira (19), cinco suspeitos de envolvimento com o tráfico de drogas foram flagrados com drogas no local e conduzidos para a delegacia.

Naquela ocasião, um policial militar estava de folga e acionou os colegas de batalhão ao flagrar o grupo com cigarros de maconha. Quatro rapazes e uma mulher de 23 anos foram encaminhados para a 56ª DP (Comendador Soares). Três deles e a jovem foram apenas atuados como usuários de drogas e liberados em seguida. O único que ficou detido foi Douglas Israel Lima dos Santos, de 19 anos. Com ele a polícia encontrou 37 pinos de cocaína, oito tabletes e cigarros de maconha e dinheiro em espécie, proveniente da venda dos entorpecentes.

Via Jornal de Hoje
23/07/2016

NOVA IGUAÇU - Contagem regressiva para Nova Iguaçu receber a Tocha Olímpica Rio 2016. Sua chegada será no dia 3 de agosto, às 17h30, último dia da rota de revezamento. A Prefeitura organizou uma programação especial para celebrar o evento. A Tocha Olímpica vai percorrer 10 quilômetros pelas ruas do município. O jogador do Flamengo, Emerson Sheik (ex-morador da cidade), o judoca Sebastian Pereira, medalhista de Pan-Americanos e quinto lugar na Olimpíada de Atlanta; a jogadora de Handebol, Lucila Vianna e o paratleta de natação, Adriel de Souza são os iguaçuanos que estarão, entre outros atletas, conduzindo a tocha na cidade. O prefeito Nelson Bornier decretou Ponto Facultativo. 

Na última quinta-feira (21), representantes do Governo Municipal se reuniram, no Centro de Operações de Nova Iguaçu (Conig), para discutir sobre o roteiro do revezamento. Entre os presentes, estavam os secretários Rubens Borborema (Transporte, Trânsito e Mobilidade Urbana), Adriano Santos (Esporte e Lazer), Cristina Quaresma (Assistência Social), Maria Aparecida Marcondes (Educação) e Paulo Cezar Pereira (Comunicação Social); além dos subsecretários Vanessa Ferreira (Trânsito, Monitoramento e Segurança) e Marcelo Rezende (Mobilidade Urbana).

Rubens Borborema aproveitou a ocasião para apresentar o trajeto do revezamento da Tocha Olímpica na cidade. “Estudamos com afinco e elaboramos o trajeto que está pronto. Só faltam alguns pequenos ajustes. No próximo dia 26, faremos uma última reunião para definí-lo. Estamos muito felizes com esse momento, que será histórico para a nossa Cidade, e trabalhando muito para que tudo dê certo”, diz. 

O prefeito Nelson Bornier reuniu, também na última quinta-feira (21), cerca de 300 dirigentes de escolas da rede pública municipal de Nova Iguaçu, na Unig, a quem pediu que participem ativamente do evento. Cerca de 100 voluntários da Educação e da Assistência Social ajudarão os agentes da Secretaria de Mobilidade Urbana para que o trânsito flua ao longo do roteiro da Tocha em Nova Iguaçu.

Via PMNI
22/07/2016
NOVA IGUAÇU / BELFORD ROXO - O Detro informa que por determinação judicial a linha de ônibus intermunicipal 770I Bayer do Brasil (Belford Roxo) X Borba Gato (Nova Iguaçu), operada pela empresa Santa Eugênia Transportes e Turismo LTDA, será paralisada às 0h do deste sábado (23/07). O Detro ainda esclarece que a linha permanecerá inoperante até nova ordem judicial.

Via DETRO
22/07/2016
NOVA IGUAÇU / DUQUE DE CAXIAS - No clima olímpico, a criançada da Baixada Fluminense pode optar por férias esportivas. Entre os dias 01 e 19 de agosto, nos períodos da manhã, tarde ou integral, as unidades de Nova Iguaçu e Duque de Caxias promovem a Colônia de Férias do SESI. O projeto oferece uma novidade: um programa exclusivo desenvolvido em cima do maior evento esportivo do mundo. Além das tradicionais atividades recreativas, a programação vai contar com modalidades esportivas e, ainda, dinâmicas inspiradas pelos esportes paralímpicos, por meio de brincadeiras adaptadas.

A ideia é fazer com que crianças e adolescentes, de 4 a 15 anos, vivenciem os esportes com uma perspectiva inclusiva, além de aprenderem brincando em um local seguro e repleto de opções de educação e lazer. Todas as oficinas e brincadeiras, como gincanas, cinema, atividades na piscina, caça ao tesouro, paintball d’água, matinê com DJ, entre outras, são monitoradas por profissionais qualificados e especializados em recreação. A programação, atividades, horários e estrutura, variam de acordo com a unidade.

As atividades serão realizadas nas estruturas do SESI Nova Iguaçu e Duque de Caxias, que contam com piscina semiolímpica, piscina infantil, quadra de areia, playground, quadras poliesportivas, ginásio coberto, campos de futebol, sala de vídeo, pista de atletismo e uma vasta área verde. Para se matricular é necessário apresentar uma cópia da certidão de nascimento da criança ou do adolescente, atestado médico, uma foto no formato 3x4, além de uma cópia do documento de identidade e CPF do responsável.

Associados ao SESI têm direito a desconto no ato da matrícula. Os inscritos receberão um kit colônia, com boné, sacola e camisa. As atividades acontecem de 01 a 12 de agosto, em Nova Iguaçu, e de 08 a 19 de agosto, em Duque de Caxias, entre 8h e 17h em ambas. A colônia acontecerá no SESI Nova Iguaçu, na Rua Gerson Chernicharo, nº 1.321, Bairro da Luz, Nova Iguaçu, e no SESI Duque de Caxias, na Rua Arthur Neiva, nº 100, 25 de Agosto, Duque de Caxias.Mais informações através do 0800 0231 231 ou 4002-0231.

Serviço
EVENTO: COLÔNIA DE FÉRIAS DO SESI BAIXADA FLUMINENSE
DATAS: EM NOVA IGUAÇU, DE 1 A 12 DE AGOSTO;
EM DUQUE DE CAXIAS, DE 08 A 19 DE AGOSTO;
HORÁRIOS: 8 ÀS 17H (OPÇÕES DE PARCIAL: MANHÃ – 8H ÀS 12H, TARDE – 13 ÀS 17H E INTEGRAL – 8H ÀS 17H);
CLASSIFICAÇÃO: CRIANÇAS E ADOLESCENTES DE 4 A 15 ANOS;
LOCAIS: UNIDADE SESI NOVA IGUAÇU – RUA GERSON CHERNICHARO, Nº 1.321, BAIRRO DA LUZ, NOVA IGUAÇU;
UNIDADE SESI DUQUE DE CAXIAS – RUA ARTHUR NEIVA, Nº 100, 25 DE AGOSTO, DUQUE DE CAXIAS;
MAIS INFORMAÇÕES: 0800 0231 231 OU 4002-0231.

Via FIRJAN
22/07/2016